DNIT entrega pista nova em concreto na BR-163 e PRF espera reduzir o número de acidentes do trecho

A Polícia Rodoviária Federal – PRF espera reduzir o número de acidentes no trecho entre Cuiabá e a Serra de São Vicente, na BR-163, após liberação dos 23 Km da nova pista em concreto

0 26
Reprodução

A Polícia Rodoviária Federal – PRF espera reduzir o número de acidentes no trecho entre Cuiabá e a Serra de São Vicente, na BR-163, após liberação dos 23 Km da nova pista em concreto inaugurada na tarde desta segunda (05) pela Superintendência Regional do DNIT no Mato Grosso.  O evento de inauguração foi realizado na Vila Olho D’Água, localizada no km 293.

Desde as 16h de ontem, os veículos passaram a usar a pista nova e a Polícia Rodoviária Federal espera contabilizar números cada vez menores de acidentes no trecho desta rodovia que é uma das mais importantes para o escoamento da safra no país, com grande circulação de veículos, especialmente os de carga.

O Superintendente da PRF em Mato Grosso, Inspetor Aristóteles Cadidé, ressalta que o estado da via é um dos fatores geradores de acidentes e quando em boas condições de trafegabilidade reduz significativamente as intercorrências.

“Hoje temos um trecho em perfeitas condições de tráfego. Agora só nos resta conscientizar os motoristas para que dirijam com prudência, evitando outras condutas que geram acidentes, como o excesso de velocidade”, explica Cadidé.

A antiga pista foi interditada para que se iniciem as obras de restauração a ser executada também em concreto. Estes serviços fazem parte das obras de duplicação e restauração da BR-163/MT. “Estamos avançando para concluir a obra até o primeiro semestre de 2019″, disse o superintendente do DNIT, Orlando Fanaia Machado. Com isso ocorrerá a liberação de mais trechos duplicados até o término das obras, reduzindo ainda mais o número de acidentes.

A expectativa do DNIT-MT é que até o final de 2018, o segmento de 23 km que se situa entre a Serra de São Vicente e a praça de pedágio, esteja completamente duplicado. Além deste, mais 20 km de pista nova entre a praça de pedágio e Cuiabá sejam concluídos e liberados para o tráfego.

Fonte: NUCOM PRF/MT

Leave A Reply

Your email address will not be published.